sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Andarilho

 Andarilho        
Sou apenas um andarilho
Que segue seu destino
Não tenho eira nem beira
Mas sempre encontro um amigo
Uma sopa, um cantinho...
Para descansar da jornada
Neste tempo percorrido
Passei por muito perigo
Muita luta
Muita guerra
Irmão contra irmão
Briga-se tanto neste Mundo
Sem motivo ou com razão
Por petróleo ou pelo pão...
O Homem não compreende
Que a Terra é só uma pernoite
Uma parada na estrada
A fé nos dá o alento
A Natureza o Sou apenas um andarilho                                           TERESA CORREIA                              

Nenhum comentário:

Postar um comentário